A INSERÇÃO DA MULHER NO MAGISTÉRIO: DA VOCAÇÃO AO PROFISSIONALISMO NAS ESCOLAS DE EDUCAÇÃO PRIMÁRIA

Marli Silva Abdala, Marli Silva Abdala

Resumo


O presente trabalho ocupa-se em descrever o processo de formação da mulher na profissionalização do magistério, como ocorre e qual tecido se constitui a formação feminina para o exercício da docência no Brasil. O trabalho apresentado é parte do projeto de pesquisa acadêmica do curso de Mestrado em educação da UFPI, que culminou com estudos sobre as histórias e memórias das professoras normalistas em Caxias - Ma. O embasamento teórico considerou MORAIS (2011), VILELLA (2010), FREITAS (2011), RIBEIRO (2010), como importantes norteadores no estudo das categorias em pauta. O estudo revela o processo de formação das mulheres que adentravam o magistério em momentos onde a sociedade concedia aos homens o monopólio da profissão. A tônica gira em torno das discussões que permeiam a inserção da mulher no contexto escolar. A metodologia contempla a análise de fontes e de acervo que contribuem para evidenciar os resultados da pesquisa. As observações empregadas sobre as escolas normais permitiram o alargamento da compreensão sobre os desafios de construir um marco referencial sobre feminização da carreira docente.

PALAVRAS CHAVE: mulheres, docência e profissionalização.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.