Sexualidade e qualidade de vida da pessoa estomizada: reflexões para o cuidado de enfermagem

Samuel Oliveira da Vera, Gilson Nunes de Sousa, Sarah Nilkece Mesquita Araújo, Delmo de Carvalho Alencar, Michely Glenda Pereira da Silva, Luísa Regina Oliveira Dantas

Resumo


Objetivo: refletir sobre a sexualidade de pessoas estomizadas como dimensão importante na qualidade de vida e no processo de cuidar em Enfermagem. Método: estudo descritivo de cunho teórico-reflexivo, com prévia revisão da literatura especializada na temática. Resultados: as informações foram analisadas possibilitando com que emergissem como pontos norteadores de reflexão, dois eixos temáticos: O cuidado de enfermagem ao paciente estomizado e Sexualidade como fator de qualidade de vida em estomizados. Conclusão:  a condição de estomizado requer processo de adaptação, com necessidade de equipe interdisciplinar capacitada em relação aos problemas fisiológicos e psicossociais decorrentes do tratamento cirúrgico e terapêuticas adjuvantes, que dificultam a sexualidade destes sujeitos, comprometendo a qualidade de vida. Descritores: Sexualidade. Qualidade de vida. Estomia. Enfermagem.


Texto completo:

PDF

Referências


Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise de Situação de Saúde. Plano de ações estratégicas para o enfrentamento das doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) no Brasil 2011-2022 [Internet]. Brasília; 2011 [Cited 2017 July 15]. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/plano_acoes_enfrent_dcnt_2011.pdf

Rocha JJR. Coloproctologia: Princípios e práticas. São Paulo: Atheneu; 2011.

Ang SG, Chen HC, Siah RJ, He HG, Klainin-Yobas P. Stressors relating to patient psychological health following stoma surgery: an integrated literature review. Oncol Nurs Forum [Internet]. 2013 [Cited 2017 Aug 22]; 40(6): 587-94. Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24161637

Mauricio VC, Souza NVDO, Lisboa MTL. O enfermeiro e sua participação no processo de reabilitação da pessoa com estoma. Esc Anna Nery Rev Enferm [Internet]. 2013 [Cited 2017 July 13]; 17(3): 416-22. Available from: http://www.scielo.br/pdf/ean/v17n3/1414-8145-ean-17-03-0416.pdf

Coelho AR, Santos FS, Poggetto MT. A estomia mudando a vida: enfrentar para viver. REME Rev Min Enferm [Internet]. 2013 [Cited 2017 Sept 02]; 17(2): 22-31. Available from: http://www.reme.org.br/artigo/detalhes/649

Guedes DD. Revisão histórica e psicossocial das ideologias sexuais e suas expressões. Rev Mal-estar Subj [Internet]. 2010 [Cited 2017 Aug 22]; 10(2): 447-93. Available from: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/malestar/v10n2/05.pdf

Silva SG. Preconceito e discriminação: as bases da violência contra a mulher. Psicol Cienc Prof [Internet]. 2010 [Cited 2017 June 30]; 30(3): 556-71. Available from: http://www.scielo.br/pdf/pcp/v30n3/v30n3a09.pdf

Galati MCR, Jr EOA, Delmaschio ACC, Horta ALM. Sexualidade e qualidade de vida em homens com dificuldades sexuais. Psico-USF [Internet]. 2014 [Cited 2017 Oct 22]; 19(2): 243-52. Available from: http://www.scielo.br/pdf/pusf/v19n2/a07v19n2.pdf

Alencar DC, Costa ECL, Rocha SS, Andrade EMLR, Luz MHBA, Moreira WC. Reflexões sobre a trajetória política de estomizados no Brasil. Rev Interd [Internet]. 2016 [Cited 2017 July 11]; 9(1): 234-40. Available from: https://revistainterdisciplinar.uninovafapi.edu.br/index.php/revinter/article/view/887

Cardoso DBR, Almeida CE, Santana ME, Carvalho DS, Sonobe HM, Sawada NO. Sexualidade de pessoas com estomias intestinais. Rev RENE [Internet]. 2015 [Cited 2017 June 14]; 16(4):576-85. Available from: http://www.revistarene.ufc.br/revista/index.php/revista/article/viewFile/2051/pdf

Nascimento CMS, Trindade GLB, Luz MHBA, Santiago RF. Vivência do paciente estomizado: uma contribuição para a assistência de enfermagem. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2011 [Cited 2017 Nov 23]; 20(3): 557-64. Available from: http://www.scielo.br/pdf/tce/v20n3/18.pdf

Martins PAF, Alvim NAT. Perspectiva educativa do cuidado de enfermagem sobre a manutenção da estomia de eliminação. Rev Bras Enferm [Internet]. 2011 [Cited 2017 July 22]; 64(2):322-7. Available from: http://www.scielo.br/pdf/reben/v64n2/a16v64n2.pdf

Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Coordenação de Prevenção e Vigilância. Estimativa 2014: Incidência de Câncer no Brasil. Rio de Janeiro: INCA; 2014.

Vera SO, Sousa GN, Araújo SNM, Moreira WC, Damasceno KCS, Andrade EMLR. Sexualidade de pacientes com estomias intestinais de eliminação. Rev Fund Care Online [Internet]. 2017 [Cited 2017 June 14]; 9(2):495-502. Available from: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/5451

Person B, Ifargan R, Lachter J, Duek SD, Kluger Y, Assalia A. The impact of preoperative stoma site marking on the incidence of complications, quality of life, and patients's independence. Dis Colon Rectum [Internet]. 2012 [Cited 2017 Oct22]; 55(7):783-7. Available from: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22706131

Calcagno GG, Peres BP, Pizarro ADR, Pereira MA, Silva CE, Gomes VL. Ser mujer com ostomía: la percepción de la sexualidad. Enferm glob [Internet]. 2012 [Cited 2017 Aug 16]; 11(27): 22-33. Available from: http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-61412012000300002

Pereira APS, Cesarino CB, Martins MRI, Pinto MH, Netinho JG. Associação dos fatores sociodemográficos e clínicos à qualidade de vida dos estomizados. Rev Latino-Am Enfermagem [Internet]. 2012 [Cited 2017 Sept 12]; 20(1):[08 telas]. Available from: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v20n1/pt_13.pdf

Alves RCP, Moreira KCR, Franco CPP, Oliveira DC. A percepção do paciente portador de ostomia com relação a sua sexualidade. Rev Interd [Internet]. 2013 [Cited 2017 Aug 17]; 6(3):26-35. Available from: https://revistainterdisciplinar.uninovafapi.edu.br/index.php/revinter/article/view/90

Paula MAB, Paula PR, Cesaretti IUR. Estomaterapia em foco e o cuidado especializado. São Caetano do Sul, SP: Yendis Editora; 2014.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.